segunda-feira, 1 de julho de 2013

‘Dilma será a minha candidata’, reafirma Lula


Lula viajou para a África. E o Brasil foi atrás dele. A notícia de que Dilma Rousseff despencou no Datafolha alcançou-o em Adis Abeba, na Etiópia. Junto com a novidade veio a incontornável pergunta: o senhor volta em 2014? E ele: “não”.

Reativou aspas que terá de usar incontáveis vezes nos próximos meses: “A Dilma é a mais importante candidata que nós temos, a melhor. Não tem ninguém igual a ela para ser candidata à Presidência. Portanto ela será a minha candidata.”

DETALHE
Nas contas do Datafolha, a taxa de intenção de votos de Dilma caiu 21 pontos percentuais. A de Lula caiu 10 pontos. Ela agora dispõe de 30% da preferência do eleitorado. Hoje, amargaria um segundo turno contra Marina Silva (23%).

Quanto a Lula, reteve, no principal cenário, 46% das intenções de voto. Como a soma dos votos atribuídos aos rivais dá 37%, ele prevaleceria no primeiro turno. Daí a reativação do vozerio que pede a sua volta.


Fonte: Blog do Josias de Sousa

Nenhum comentário: