quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012

Aos 72 anos, nepalês é eleito o menor homem do mundo


O posto de menor homem do mundo tem novo dono. Neste domingo, o nepalês Chandra Bahadur Dangi, 72 anos, teve o recorde reconhecido pelo Guinness.
Com 54,6 cm de altura, Chandra é 5,3 cm menor que o antigo dono do primeiro lugar, o filipino Junrey Balawing.
E não foi somente essa a única marca conquistada por Chandra. Além do menor homem do mundo, ele é a menor pessoa a já ter o nome cravado no Livro dos Recordes.
"Eu estou muito feliz. Agora eu quero viajar pelo Nepal e conhecer o exterior", afirmou ao jornal "The Sun".
Órfão desde os 12 anos de idade, Chandra recebeu abrigo de uma família de sua comunidade. Ele era exposto em feiras locais como um fenômeno, com o qual ganhavam dinheiro.


Fonte: Pop

O 'hómi" pensa grande! Cid Gomes quer Ceará exportando dados para a América Latina


O governador Cid Gomes estará nesta quarta-feira, 29, em Miami, na Flórida (EUA). Vai à sede da empresa Terremark com uma missão: captar para Fortaleza o novo Centro de Troca de Dados da América Latina da companhia. As negociações já foram iniciadas. O empreendimento prevê a passagem de três novos cabos submarinos de última geração entre a Flórida e o Ceará, além da construção de "data center" de 10 mil metros quadrados na Capital, em local não definido.
Hoje, o "data center" que realiza a troca de dados entre as américas fica em Miami. Funciona como motor da Internet para os operadores de rede da América Latina. Mais de 180 operadores de telecomunicações estão conectados neste centro de dados. Lá estão grandes provedores de serviços, como Google, Facebook e Yahoo.

SAIBA MAIS
A negociação para a escolha de Fortaleza como ponto de chegada dos novos cabos da Terramark começou há apenas um mês, mas a confirmação já é dada como iminente no Governo. Com base em análise técnica, Fortaleza é considerada o ponto mais adequado. Aqui chegarão os cabos ligando os EUA ao Brasil.

Fonte: Jornal O Povo

PALHAÇO POR PALHAÇO, PR FALA EM “LANÇAR” TIRIRICA


Cobiçado pelo PT em São Paulo e desprezado por Dilma Rousseff em Brasília, o PR decidiu pegar pesado. Leva às manchetes a hipótese de lançar a candidatura do palhaço Tiririca à prefeitura paulistana.
Ouvido, Tiririca deu asas à piada: “Acho que isso é um reconhecimento do meu trabalho aqui [na Câmara]. De 513 eu sou um dos poucos que nunca faltou. Isso me surpreendeu, mas quem bota lá [na prefeitura] é o povo.”
Líder do PR na Câmara, o deputado Lincoln Portela (MG) ecoou Tiririca, potencializando-o: “Pela votação dele, ele tem todo o direito de ser candidato. Além disso foi uma surpresa positiva aqui na Câmara.”
Tiririca foi levado a Brasília pelos votos de 1,35 milhão de eleitores do Estado de São Paulo. Um recorde nacional. Desse total, 430 mil votos foram amealhados na capital paulista.

TREVO DO NORTE, EM SOBRAL, FECHA AS PORTAS SEM DAR EXPLICAÇÕES AOS CLIENTES


Alvo de investigação da Polícia Federal, o Trevo do Norte localizada em Sobral, pertencente a Marlon Sobreira, filho da deputada estadual Mirian Sobreira (PSB) fechou as portas no último dia 13 de fevereiro.
O motivo para o fechamento da casa de jogo ainda não foi explicado pelos donos e os clientes do título pedem uma satisfação urgente.
Muitos colaboradores, dentre eles, locutores e vendedores cobram dividas existentes com os mesmos.
Comenta-se que Marlon Sobreira, proprietário do Trevo do Norte pediu um prazo de 30 dias para quitar os débitos.
Na época que o Trevo do Norte foi fechado pela PF, o juiz federal Sérgio Norões Milfont Júnior já havia julgado procedente a ação civil do Ministério Público Federal, ajuizada pelo procurador da República, Fernando Braga Damasceno.
O pedido do MPF determinava que à R.A. Promoções e Serviços Ltda suspendesse de imediato toda e qualquer espécie de jogo de azar ou sorteios, incluindo os bingos e as loterias.
Caso os responsáveis pela atividade insistissem em realizar os sorteios semanais pagariam uma multa de R$ 200 mil por cada sorteio realizado após a intimação da decisão.
(Fonte: Blog do Lindomar Rodrigues)

POLÍTICO "FICHA SUJA" PODE FICAR INELEGÍVEL PARA SEMPRE


A Lei da Ficha Limpa, aprovada neste mês pelos Ministros do STF, apresenta em seu texto dispositivos que podem impedir o candidato com a ficha suja a se eleger pelo resto da vida. A afirmação é do presidente da Ordem Nacional dos Advogados (OAB), Ophir Cavalcante.
De acordo com Cavalcante, depedendo da pena que o político for sentenciado, por um órgão colegiado, e dos agravantes constantes no processo, “o réu poderá não ser eleito nunca mais, dependendo de sua idade”.
Gilmar Mendes, um dos ministros do STF que votou contra a lei, realizou um exercício teórico durante a sessão. De acordo com ele, o cálculo da inelebilidade da Lei da Ficha Limpa é incoerente. Seus cálculos indicaram que o político poderia passar por um período de 50 anos sem poder se eleger.
A idéia parece ser extamente essa: “Não apenas eu, mas a sociedade recebeu de forma positiva o julgamento do STF. Ele, prestigiou valores importantes para a democracia, protegeu a sociedade, dando preferência aos interesses dela, do que aos individuais. Foi uma guinada forte”, explica Cavalcante.

terça-feira, 28 de fevereiro de 2012

Ceará produz maçã pela primeira vez em cidade da Serra da Ibiapaba

O estado do Ceará está produzindo pela primeira vez maçã, em uma fazenda na cidade de Tianguá, na Serra da Ibiapada. A plantação ocorre em fase teste em terras privadas cedidas a Embrapa para plantar mudas de maçã. Foram cultivadas seis variedades de plantas de maçãs, que estão todas carregadas de frutas.

Em fevereiro deste ano, 14 meses após a plantação das mudas, está sendo feita a primeira colheita. Segundo especialistas, a maçã se desenvolve melhor em áreas de clima temperado, como o da Serra da Ibiapaba, onde a temperatura varia entre 18 e 35 graus. Apesar de não chover constantemente em Tianguá, as árvores foram cultivadas com irrigação.
A produção surpreendeu até o produtor paulista, acostumado com a produção do fruto em São Paulo. "Recebemos o convite para cultivar maçã, pera, caqui e fizemos os testes. Eles forneceram a muda e assistência, e aí está esse resultado maravilhoso", diz o fazendeiro Ernesto Emori, proprietário das mudas de maçã.
Na primeira colheita, cada pé produz uma média de oito quilos de maçã. As variedades "princesa" e"erva" se adaptaram melhor na Serra da Ibiapaba. A produção é vendida em centrais de abastecimento do Ceará.
Segundo José Narciso Sobrinho, superintendente do Escritório Técnico de Estudos Econômicos do Nordeste, o objetivo é trazer novas culturas ao Ceará. "Nesse primeiro momento está se produzindo os frutos. O primeiro teste era saber se a planta iria frutificar e se frutificou, e agora no segundo momento vamos melhorar a qualidade do fruto", diz.
Outras oito fazendas do Ceará vão receber o cultivo de frutas como pera, caqui e oliveira. "Temos todos os ambientes do Ceará sendo testados para produzir, inclusive para os agricultores familiares, onde nós sabemos que a fruticultura tem um grande alcance social e emprega muita mão de obra", diz Narciso.
Uma vantagem da produção de maçã no Ceará, de acordo com o produtor Ernesto Emori, é que a colheita pode ser feita no período de entressafra das regiões Sul e Sudeste. "Como aqui não tem o frio, nós podemos produzir, as árvores não ficam em dormência e a gente pode colher no final de ano", explica.

Fonte: Programa NE Rural G1 CE

Açudes somam 70% de reserva hídrica no Ceará

Clique para Ampliar
O Trussu, em Iguatu, é um dos reservatórios de grande porte que se apresentam com quantidade de água suficiente para sangrar a qualquer momento. Situação parecida se encontra o Muquém, em Cariús, ambos no Centro-Sul
HONÓRIO BARBOSA
Fortaleza. Os 136 açudes monitorados pela Cogerh já somam uma capacidade de armazenamento estimada em 70%, com as chuvas caídas neste começo da quadra.

Isso significa o aumento de 1% com relação ao último dado divulgado pelo órgão no último sábado. Mesmo assim, o percentual significa um volume de 180 milhões de metros cúbicos, o que equivale a seis açudes Gavião, que tem uma capacidade de 30 milhões de metros cúbicos. Os reservadores monitorados pela Cogerh são responsáveis pelo armazenamento de 90%, relativos a 18 bilhões de metros cúbicos, das reservas hídricas do Estado, disponíveis em barragens.

O assessor da presidência da Cogerh, Yuri Castro, afirmou que, com a previsão da quadra chuvosa pela Funceme, a perspectiva é que as reservas cheguem até 80% em meados de maio. Ontem, foi anunciada a sangria do Açude Tijuquinha, em Baturité.

No entanto, Yuri afirma que é uma barragem de pequeno porte. Até o final desta edição também estavam na iminência de sangria, entre as barragens de médio e grande portes, o Trussu, em Iguatu, e o Muquém, em Cariús, ambos localizados na região do Centro-Sul.

Sem controle

Segundos dados da instituição, há cerca de 8 mil barragens que estão fora do controle da Cogerh e estão instaladas em propriedades particulares, sendo as mais vulneráveis a rompimentos em períodos chuvosos mais intensos. São os chamados "açudes sonrisais", uma alusão ao desmonte em vista da forte ação das águas nas suas estruturas.

De acordo com Yuri, esses equipamentos além de terem sido construídos sem rigor técnico, padecem da falta de manutenção. Ele observa que muitos desses não contam de limpeza nos sangradouros, havendo desde plantio natural quanto buracos formados por formigueiros e tatus. Muitos possuem até cerca nos sangradouros, o que é considerado um meio de dificultar o escoamento da água, por ocasião do transbordamento.

Desse modo, as paredes se tornam mais susceptíveis a rachaduras e, daí, a romperem causando alagamento e inundações nas áreas próximas. Segundo Yuri, o grande desafio é formar uma consciência desses proprietários sobre a importância, pelo menos neste primeiro momento, da prestação de serviços adequados de manutenção.

Açudes pequenos

"Em geral, são açudes pequenos com até 5 hectares de espelho d´água", disse. Ele destaca que o problema maior é que são os primeiros a romperem nas estações chuvosas, causando danos às populações rurais.

Yuri afirma que esse monitoramento é fundamental para que a Defesa Civil, quer do Estado ou dos Municípios, possa agir em casos extremos, como para evacuação das comunidades atingidas por alagamento.

Ele explica que o conceito de "açude sonrisal" ainda é muito comum no Estado, daí ser inviável fazer prever qual a área mais crítica no problema.

Mais informações:
Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh)
Rua Adualdo Batista, 1550 - Parque Iracema, Fortaleza/CE
Telefone: (85) 3218.7020

segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012

Obras no roteiro de Dilma têm pelo menos uma década

Clique para Ampliar
Linha Sul do Metrofor atualmente está com 95% de suas obras concluídas
FOTO: KID JÚNIOR

São três obras vultosas, e que irão modificar a realidade do Estado e, em especial, da Região Metropolitana de Fortaleza, mas que carregam em si um histórico de longas esperas e frustrações por parte da população, perante os atrasos. Os empreendimentos que serão visitados hoje, pela presidente Dilma Rousseff, com recursos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), remontam a períodos bem anteriores à criação do próprio PAC, havendo registros ainda de 1987.

A agenda de Dilma no Ceará, que vem ao Estado pela segunda vez neste ano, engloba visitas no Metrofor, a ETA-Oeste (integrado ao projeto do Eixão das Águas) e ao Vila do Mar.

O primeiro destes chegou até a virar chacota ou mesmo "lenda urbana" por conta da população, que já vê as obras, iniciadas em 1999 com previsão de entrega para 2002, arrastarem-se por 13 anos.

´Nos trilhos´

Agora, com os trabalhos caminhando, enfim, em ritmo acelerado, com 95% da Linha Sul concluídos, a nova promessa é de que os trens já estejam circulando em operação comercial entre janeiro e fevereiro de 2013.

A construção do Metrofor vem atravessando vários governos. O contrato para a instalação do sistema de trens metropolitanos em Fortaleza foi efetivado ainda em 1987 pelo então governador Tasso Jereissati com a Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU) e a Rede Ferroviária Federal S/A (Rffsa). A vigência do documento era para 1988, mas as obras só foram ter início mesmo 11 anos depois.

Longa espera

As obras do metrô foram se estendendo por terem sido paralisadas por diversas vezes, e por longos períodos de duração, em virtude de retenção de recursos federais. Após cinco anos do início da construção, apenas 48,4% estavam prontos.

Depois de atrasos e retomadas, a expectativa foi levada para 2007, depois para 2008, então para 2010 e 2011. Agora, 2013. A própria Dilma Rousseff, quando então ministra da Casa Civil, já havia apontado preocupação com o andamento do projeto, quando fazia o balanço de dois primeiros anos do PAC (2007 e 2008).

Tratamento de água

Já a ETA-Oeste é a Estação de Tratamento de Água onde inicia-se o último trecho (V) do Eixão das Águas, que é o projeto que levará a águas do Castanhão à Região Metropolitana de Fortaleza (RMF), abastecendo o Complexo Industrial e Portuário do Pecém, cumprindo 255 quilômetros de extensão. O empreendimento é outro que acumula atrasos, tendo sido iniciado ainda em 2001, quando era conhecido como Canal da Integração.

Greves e falta de recursos vieram marcando o desenvolvimento do projeto, que hoje encontra-se em obras do último trecho. O Eixão chegou a ser visitado por Dilma Rousseff em 2009, que afirmou à época, em virtude dos atrasos por falta de recursos: "Agora temos US$ 200 bilhões em reservas e vamos manter as obras do PAC".

Vila do Mar

O projeto Vila do Mar já vem dando uma nova cara à orla oeste de Fortaleza, local onde se encontra a sétima maior favela do Brasil: o Pirambu. Há mais de 50 anos que a população local, que inclui ainda os moradores da Barra do Ceará e Cristo Redentor, discute e reclama melhorias para a orla, reivindicação que procurou ser atendida em 1996, quando surgiu o projeto Costa Oeste, do Governo do Estado.

Em 2002, as obras foram iniciadas, mas os atrasos foram recorrentes por problemas, entre outros, ligados a questões ambientais e políticas. Em 2007, a Prefeitura assumiu a responsabilidade sobre o projeto, e criou o Vila do Mar, que vem, de fato, sendo executado. Contudo, também com adiamento de prazos.

Andamento

A primeira etapa do projeto, que leva do polo de lazer da Barra do Ceará à avenida Dr. Theberge, no bairro Cristo Redentor, tinha previsão de ser entregue em janeiro do ano passado, mas, atrasada, ainda está em fase final de construção.

Já a área inteira, que chegará até o Kartódromo, no Pirambu, ainda está iniciando, e não deverá estar pronta até o fim da gestão atual, como era esperado.

Investimentos

A presidente Dilma, em seu roteiro de visitas no Estado hoje, deve vistoriar obras que somam R$ 2 bilhões e anunciar mais R$ 179 milhões para o VLT do ramal Parangaba-Mucuripe.

Os investimentos previstos para o projeto da Vila do Mar são da ordem de R$ 142 milhões, sendo R$ 92 milhões do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), R$ 20 milhões do Fundo Nacional de Habitação de Interesse Social e R$ 30 milhões de uma parceria com o Governo do Estado de Ceará.

No Metrofor, até o momento, foram investidos R$ 1.33 bilhão. Para finalizar o tão aguardado projeto, estão garantidos os R$ 385,8 milhões restantes. Desse total de R$ 1,7 bilhão, R$ 1,18 bilhão são recursos federais. O restante é do Estado do Ceará.
 
Fonte:DN

9 lugares na Terra que mais parecem ficção científica

Não são apenas nos filmes que conseguimos ver cenários que parecem de outro mundo, sejam formações naturais ou criações humanas. Confira, logo abaixo, uma lista com alguns dos mais incríveis (e estranhos) locais existentes na realidade.

Caverna de cristais de Naica

Ampliar (Fonte da imagem: Terra Média)
Descoberta acidentalmente em uma mina no norte do México, esta caverna é uma das mais incríveis formações naturais da Terra. Dentro dela, é como estar em um mundo completamente diferente do nosso: cristais com vários metros de altura recobrem cada canto do ambiente.
É uma pena que, o que tem de belo na caverna de Naica, também há de perigoso. Isso porque a alta temperatura e a umidade do local permitem que os cientistas permaneçam na área por apenas alguns minutos, mesmo com trajes especiais.

Neft Daslari

Ampliar (Fonte da imagem: TUTA)
Acredite se quiser, mas a imagem acima é de uma plataforma petrolífera. Localizada a mais de 50 quilômetros de terra firme, a Neft Daslari começou pequena, mas logo cresceu, transformando-se em uma verdadeira cidade flutuante.
Uma vez que viajar até a vila mais próxima para fazer compras é algo inviável, a plataforma ganhou várias estruturas, para tornar o dia a dia no local mais agradável. Condomínios, escolas, padarias e até mesmo um cinema podem ser atualmente encontrados na Neft Daslari.

Chamarel

 
(Fonte da imagem: Los Angeles Times)
A vila de Chamarel mais parece um pedaço de Marte que caiu na Terra. Suas dunas, em tons de vermelho, amarelo, laranja, marrom, verde e até mesmo azul, fazem qualquer um pensar que elas simplesmente não vêm deste mundo.
Mas, por mais bizarro que possa parecer, essa terra colorida é um efeito natural: os diferentes tons foram causados pelo resfriamento das rochas vulcânicas a diferentes temperaturas. Mesmo assim, a beleza do local não deixa de impressionar, principalmente pelo enorme contraste que as dunas têm com a floresta próxima.

Pedregulhos de Moeraki

Não, esses não são ovos de aliens no meio da praia, mas outra bizarrice natural. As pedras, que chegam a ter até três metros de diâmetro e pesar sete toneladas, são formadas por sedimentos do fundo do mar. O processo acontece de forma semelhante ao de uma pérola.
A cada ano que passa, mais e mais dessas pedras aparecem na praia de Moeraki, na Nova Zelândia, devido à erosão dos penhascos próximos, em que várias dessas rochas estão presas. Por isso, aqueles que visitam o local podem ver os pedregulhos na metade do processo de “fuga”.
Os pedregulhos de Moeraki também têm uma característica um tanto quanto estranha: com o passar dos anos, muitos deles simplesmente se quebraram, revelando que as formações são na verdade ocas. Pensando bem, será que elas não são ovos mesmo...?

A porta para o Inferno

 
(Fonte da imagem: English Russia)
Se há algum lugar na Terra que possa ser uma ligação com o mundo dos mortos, esta enorme cratera no meio do deserto de Karakum é o ponto mais provável.
A “Porta para o Inferno”, como é chamada, foi, na verdade, uma criação humana completamente acidental: quase 40 anos atrás, um grupo de geólogos soviéticos iniciou uma escavação no local. Foi então que eles encontraram uma caverna gigantesca cheia de metano.
Uma vez que as pessoas correriam sérios riscos de vida para adentrar a área, a solução encontrada pelos soviéticos foi queimar todo o gás, para que a escavação pudesse prosseguir. O que ninguém imaginava era que, mesmo depois de quase quatro décadas, a cratera continuaria em chamas, sem uma pausa sequer.
Não se sabe quanto metano ainda há no bolsão, mas, ao que tudo indica, ele não deve acabar tão cedo.

Gate Tower Building

Ampliar (Fonte da imagem: Muza-chans Gate to Japan)
Uma briga, envolvendo uma empresa que não queria mudar o projeto de um edifício de lugar e uma construtora de estradas que não tinha intenção de fazer um desvio em sua rota, “gerou” um prédio um tanto diferente em meio à paisagem de Osaka, no Japão.
Para solucionar o problema de sobreposição nos dois projetos, as construtoras fizeram algumas alterações nas estruturas. Dessa forma, a estrada suspensa pôde literalmente passar por dentro do prédio, que ganhou um enorme vão em seu centro. A visão do edifício parece saída diretamente das séries de super-heróis japoneses.

Vale da Lua

 
(Fonte da imagem: Mochilone)
Único local da lista em terras brasileiras, o Vale da Lua, como seu nome entrega, possui rochas com formas que lembram muito a paisagem do satélite que rodeia nosso planeta. Localizado no Vale dos Veadeiros, em Goiás, o aspecto das rochas foi formado graças à corredeira do Rio São Miguel. Se não fossem as águas e a floresta ao redor do lugar, seria fácil pensar que aquela área é uma parte da Lua.

A cidade murada de Kowloon

Ampliar (Fonte da imagem: Sometimes Interesting)
O que começou como um refúgio de guerra chinês tornou-se uma cidade separada de todo o resto do mundo. O local era formado por dezenas de prédios, todos tão próximos que tornavam quase impossível dizer onde acabava um e começava outro.
Essa bizarra massa de edifícios era de difícil acesso para pessoas comuns, o que fez dela um lugar perfeito para gangues. Nem mesmo o governo da China tinha poder sobre a área.
A cidade murada de Kowloon continuou como o paraíso dos crimes por décadas, até que foi demolida, em 1994.

Ilhas Izu

 
(Fonte da imagem: Atlas Obscura)
A presença de uma série de vulcões nesse arquipélago da costa do Japão tornou o local quase inabitável para humanos, devido à enorme quantidade de enxofre no ar. Assim, a área foi completamente evacuada em 2000.
Mas as ilhas Izu não continuaram vazias por muito tempo. Em 2005, cientistas, com permissão do governo japonês, ofereceram uma pensão para aqueles que aceitassem morar no local. Estes serviriam de cobaias para estudos sobre os efeitos debilitantes do ambiente nas pessoas.
É claro que houve uma quantia enorme de candidatos, entre os interessados pelo dinheiro e as pessoas que queriam voltar para suas casas. Os selecionados passaram a morar no local, sendo então obrigados a usar máscaras de oxigênio 24 horas por dia.

domingo, 26 de fevereiro de 2012

Menina chinesa possui uma anomalia na barriga



Olhando a primeira foto dessa menina de 4 anos, você não vê nada demais além de uma criança Chinesa 
Bom, essa garotinha tem uma bizarra anomalia, sua barriga começou a crescer desde que ele tinha 8 meses e os médicos afirmam que não se trata de nenhum tumor.

Fonte: Bizarro

O homem com o maior queixo do mundo

 
 

Chang Du tem um queixo tão gigantesco que ele (acredite se quiser) está oferecendo esta parte de sua anatomia para a colocação de anúncios publicitários.
A grana terá como finalidade pagar a cirurgia para consertar essa estranha aparência. Du, de 47 anos, vive em Lishuguo, na China, disse que o seu queixo gigante é resultado de um tumor que era minúsculo a apenas cinco anos atrás.
” Eu sou apenas um homem comum e pacato que fica em casa o dia todo porque não quero sair nas ruas e assustar as pessoas. Mas sem o dinheiro, não poderei pagar pela operação, então farei o que for preciso para pagar por ela.”
Caramba, que sinistro, né? Imagino que o cara deve passar perrengue na China. Lá os caras tem mania de botar apelido nas pessoas com deficiência. Tipo o que fizeram com a “menina avatar”. Maldade. Não duvido que chamem este cara de “Homem pelicano”.

Fonte:Mundo gump

Vale tudo em ano eleitoral, até inaugurar orelhão


Como todos sabem 2012 é ano de eleição e durante esse período muitos pré-candidatos as inúmeras prefeituras existentes no país ou apoiadores políticos sempre dão um jeitinho de aparecer para o eleitorado, no que eles entendem como marketing eleitoral.
Até ai nada demais!
No entanto em Caririaçu, na região do Cariri, o prefeito Edmilson Leite inovou além da conta. No último dia 12 de fevereiro, Edmilson inaugurou uma nova estrada que vai ligar os sítios Cruz, Cacimbas a Vila Miragem; o sangradouro do açude do Sítio Serra Branca, e acreditem, um orelhão. Isso mesmo, um telefone público foi motivo para se fazer toda uma solenidade na comunidade do Sitio Cruz com direito a corte de faixa e pouses para fotos.

Fonte: Sobral em revista

CONVERSA ENTRE CID GOMES E LUIZIANNE LINS PEGOU FOGO


A conversa entre Cid Gomes e Luizianne Lins, por telefone, foi testemunhada por assessores dos dois. O diálogo começou com gritos. Eram farpas e agressões. Se tivessem se encontrado pessoalmente teria sido um escândalo.
O bate boca durou mais de uma hora, da hora meia de conversa. Os dois lavaram toda roupa suja. Cid estava uma fera e Luizianne também.
Dialogo pesadoCid Gomes deixou bem claro que o nome para a sucessão municipal terá que ser de consenso, que atender a expectativa da população e resolver os problemas cruciais da cidade de Fortaleza. Caso contrário, não colocara seu nome no projeto e muito menos subirá no palanque para pedir votos.
Luizianne, do outro da linha, não admitia a intervenção do governador nas coisas do PT. Tudo começou com a indicação do nome de Camilo Santana pelo governador Cid Gomes.
No palácio da Abolição, todos os servidores comentaram a conversa entre Cid e Luizianne. No Palácio do Bispo, onde Luiizanne despacha, o dia foi de avaliações sobre a conversa. A conclusão é que existe um abismo entre ambos. E Parece que a situação ficou pior após a ligação.

(Blog do Roberto Moreira)

sábado, 25 de fevereiro de 2012

SANGUE NA SERRA - CRIME E CASTIGO




SANGUE NA SERRA - CRIME E CASTIGO - é um Curta metragem realizado em Guaraciaba do Norte. Direção: Queiroz
Narra as atrocidades vivenciadas por Frei Agostinho nos meado de 1847, aproximadamente. Feito com atores da própia cidade.

Estado conta com R$1,9 bi de Dilma para a Linha Leste

Clique para Ampliar
Expectativa do governo é que trens da Linha Leste só operem em 2015 ou 2016
JOSÉ LEOMAR
Clique para Ampliar
Governo do Ceará espera que a presidente libere montante para as obras da Linha Leste do metrô de Fortaleza

A visita da presidente da República, Dilma Rousseff, ao Ceará, na próxima segunda-feira, - a terceira, desde que foi eleita -, pode render para Fortaleza mais do que uma tentativa de apaziguar os ânimos entre os partidos "aliados" dos dois principais gestores públicos do Estado; o PSB, do governador Cid Gomes e o PT, da prefeita Luizianne Lins. A expectativa da Secretaria Estadual de Infraestrutura (Seinfra) é que Dilma anuncie a liberação de R$ 1 bilhão, da União, e sinalize com o aval para empréstimo de mais R$ 900 milhões, para as obras de construção da Linha Leste do Metrô de Fortaleza, que deverá interligar os bairros do Centro ao Edson Queiroz.

O otimismo da Seinfra tem por base o valor médio de R$ 1 bilhão que o governo Federal tem anunciado para cada uma das cidades sedes da Copa do Mundo de 2014, por meio do PAC da mobilidade urbana. Entretanto, apesar da importância deste ramal para desafogar o trânsito da capital cearense, a perspectiva do governo do Estado é que os trens da linha Leste só corram, ou entrem nos trilhos, em 2015 ou 2016.

Meio caminho

No entanto, se Cid Gomes conseguir a garantia da presidente para a liberação dos recursos, o governo do Estado terá "meio caminho andado", ou assegurado quase 60% dos R$ 3,2 bilhões necessários à execução dos 12,4 quilômetros de extensão do novo ramal metroviário e na aquisição de 20 trens.

Somente estes carros deverão custar entre R$ 700 milhões e R$ 800 milhões.

O R$ 1,3 bilhão restante, sinaliza o titular da Seinfra, o engenheiro Adail Fontenele, deverá advir de parcerias público-privadas (PPPs) e da contrapartida do próprio governo estadual. O valor da contrapartida, antecipa a secretaria, vai depender do volume de recursos liberados pela União, para a obra.

Audiência pública

A projeção é que aproximadamente 400 mil pessoas sejam beneficiadas, em um processo de integração da linha Leste com as linhas Sul, Oeste, ramal Parangaba-Mucuripe e terminais de ônibus. A obra fará a ligação entre o Centro, partindo da estação Xico da Silva, até o Fórum Clovis Beviláqua, no bairro Edson Queiroz.

Serão 12 estações, sendo uma de superfície e 11 subterrâneas, sete das quais serão construídas nas proximidades da Avenida Santos Dumont, via sob a qual a nova será construída.

Os detalhes e características técnicas e sociais da obra e dos trens serão conhecidos na próxima terça-feira, dia 28, durante audiência pública, a ser promovida pela Superintendência Estadual do Meio Ambiente (Semace), no auditório I, da Central de Licitação, localizado no Centro Administrativo Bárbara de Alencar, no bairro Edson Queiroz.

Agenda corrida

A visita de Dilma Rousseff será em ritmo de "trem bala". Ao chegar às 10h50, ao aeroporto Pinto Martins, ela e Cid Gomes seguem à Estação Raquel de Queiroz, onde embarca às 11h30, no trem de teste do metrô da Linha Sul, em direção à Estação Virgílio Távora, em Pajuçara.

Às 12 horas, participa, no local, da cerimônia de anúncio de investimentos para o metrô. Após almoço, visita às 15h30, as obras da Estação de Tratamento de água (ETA Oeste), de onde segue para visitação, às 16:40 hs, o Mirante Rosa dos Ventos, na comunidade de Coqueirinho, e às 17h, o conjunto habitacional Vila do Mar 3.

Fonte: DN

Após incêndio, FAB enviará aeronave para trazer funcionários de volta

 A Força Aérea Brasileira (FAB) enviará na tarde deste sábado (25) uma aeronave C-130 Hercules à cidade chilena de Punta Arenas. O avião vai  trazer de volta ao Brasil militares e funcionários que estavam na Estação Antártica Comandante Ferraz, base da Marinha do Brasil atingida por um incêndio.
O incêndio ocorreu, segundo a Marinha, no local onde ficam os geradores de energia, por volta das 2h (horário de Brasília) deste sábado. Um Inquérito Policial Militar foi instaurado para apurar as causas.
A aeronave deixará por volta das 16h a base aérea do Galeão, no Rio de Janeiro, rumo a Pelotas, no Rio Grande do Sul. Na cidade gaúcha, a Força Aérea planeja buscar militares da Marinha que  ajudarão na operação e materiais para abrigo do frio.
Mapa Comandante Ferraz (Foto: arte/G1)Mapa Comandante Ferraz (Foto: arte/G1)
Ao todo, estão em Punta Arenas à espera de resgate 30 pesquisadores, um alpinista que auxilia nos estudos, um representante do Ministério do Meio Ambiente e 12 funcionários do Arsenal de Marinha do Rio de Janeiro. Ele foram levados da Estação Antártica Comandante Ferraz para a cidade chilena por um avião da Força Aérea Argentina.
Desaparecidos
O acidente deixou um militar ferido e outros dois desaparecidos, que são o suboficial Carlos Alberto Vieira Figueiredo e o primeiro-sargento Roberto Lopes dos Santos. Os nomes dos desaparecidos foram confirmados nesta tarde por meio de nota enviada pela Marinha.

O militar ferido, segundo informou a Marinha, já não corre risco de morte. Ele recebeu os primeiros socorros na estação polonesa de Arctowski e depois foi levado para a base chilena Eduardo Frei.
As famílias do militar ferido e dos desaparecidos, segundo a Marinha, “já foram comunicadas a respeito do fato e estão recebendo o apoio total da Marinha do Brasil, nesse momento de extrema dor”.

Fonte: G1

"Racha" com viaturas da PM causou prejuízo de R$ 43 mil



A “brincadeira” custou caro. Os policiais do Ronda do Quarteirão que teriam praticado “racha” com viaturas da PM se envolveram em um acidente que causou prejuízo de cerca de R$ 43 mil. O valor é para conserto das duas Hilux que colidiram durante o “pega” nas ruas do bairro Cristo Redentor. As informações foram publicadas no boletim interno do Comando Geral da PM.

Os seis soldados que estariam envolvidos no “racha” foram demitidos da Polícia. Os policiais praticaram o “pega” no dia 19 de fevereiro do ano passado, quando se deslocavam para a sede da 3ª Companhia do 5º Batalhão, no Pirambu. Era fim de expediente e os soldados seguiam para a troca de turno. Durante o trajeto, duas viaturas acabaram colidindo na rua Carmélia, por volta das 6 horas.

Após um ano de investigações, os policiais foram expulsos. Foram punidos os soldados Antônio Claiton Alves; Rafael do Vale Forte; Daniel Fabrício da Silva Galdêncio; Edson Medeiros Oliveira; Klewerson Alves do Nascimento; e Antônio Frederico Feitosa da Costa.

De acordo com as investigações, três viaturas participaram do “pega”. “Verifica-se nos autos do processo que a viatura RD 1035 (Carlito Pamplona) transitava pelas ruas do bairro Cristo Redentor em velocidade que chegou aos 91 km/h. Já a viatura RD 1125 (Antônio Bezerra) chegou a transitar a 106,5 km/h. Pelas imagens captadas pelo sistema de monitoramento próprio das viaturas, percebe-se que as três composições participavam de uma corrida, com intuito de verificar quem chegaria primeiro (à 3ª Cia do 5º Batalhão)”, cita o documento.

Ainda conforme o documento, um dos soldados ficava mandando o motorista ultrapassar a outra viatura. Para reforçar a disputa entre os carros da PM, sirenes eram acionadas “desnecessariamente”, cita o boletim interno. Os acusados negam que tenham realizado o “racha”.

O Povo